FGV : 31,3% dos Pré-fabricadores investiram mais em 2015

Publicado em 16/07/2015
Imagem do Artigo FGV : 31,3% dos Pré-fabricadores investiram mais em 2015

Foi feita pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) neste ano de 2015 uma pesquisa que faz menção ao aumento de investimentos em pré-fabricados de concreto. No ano de 2014 a Sondagem de Expectativas da Indústria de Pré-fabricados de Concreto divulgou que 44% das empresas do segmento investiram em 2014 mais que em 2013, enquanto 32,6% disseram investir menos. Quanto a 2015, 31,1% das empresas do segmento planejam investir mais, um número relativamente alto, enquanto apenas 15,6% destas empresas pretendem investir menos.

A maior parte destes investimentos no ano passado (2014) foi a compra de equipamentos para produção. Boa parte também foi dedicada à ampliação de áreas de produção e infraestrutura de equipamentos no geral, respectivamente. Já uma menor parte do capital das empresas foi investido em expandir áreas de estocagem e em galpões e obras civis.

Outro tópico abordado pela pesquisa foi o ranking onde foram utilizadas as estruturas pré-fabricadas em comparação de 2013 para 2014, com perspectivas para 2015. Dois anos atrás, dominava o ranking as indústrias, enquanto no ano passado os shoppings centers tomaram seu lugar. O ranking de 2014, diferente do de 2013, está mais concentrado no comércio, isto é, em centros de distribuição e logística, edifícios comerciais, área de varejo e então, por último, o segmento habitacional.

Já a respeito do uso de insumos, foi constatado que em 2014 houve uma queda do uso de cimento de 3% e o uso de aço se manteve quase constante (aumento de 0,3%). A FGV apurou também que o número de empresas que, além de produzir as estruturas de concreto, também produzem estruturas metálicas cresce, revelando uma tendência de industrialização com estruturas mistas e híbridas, combinando os sistemas construtivos.

Em relação aos empregos gerados pelo segmento de pré-fabricados, a sondagem registrou uma queda de 9% em relação de 2012 para 2013. Uma minoria de empresas mantém uma média de 500 funcionários e em sua maioria empregam em torno de 100 funcionários.

Essa pesquisa, que teve como coordenadora a economista Ana Maria Castelo, foi realizada entre os meses de Agosto e Novembro de 2014, ouvindo cerca de 45 das 53 empresas associadas da Ambicc.

Ranking de Obras em Alta no Brasil

Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil
Infográfico: Ranking de Obras em Alta no Brasil

 Endereço:
Rod. Dom Pedro I, Km 82,3
Rio Abaixo - Atibaia–SP
CEP 12954-260

 Telefone:
55 11 4416 5200

  • Plaza Shopping Carapicuíba

    Plaza Shopping Carapicuíba

    Carapicuiba/SP

    Plaza Shopping Carapicuíba

    Carapicuiba/SP

    Estrutura multipavimento

  • Investicorp

    Investicorp

    São Bernardo do Camp/SP

    Investicorp

    São Bernardo do Camp/SP

    Estrutura de concreto com viga protendida

  • CTS IV

    CTS IV

    Cotia/SP

    CTS IV

    Cotia/SP

    Estrutura mista

  • Atacadista Bem Barato

    Atacadista Bem Barato

    São Bernardo do Campo/SP

    Atacadista Bem Barato

    São Bernardo do Campo/SP

    Estrutura de concreto com viga protendida